Professores do Maranhão recebem 77% a mais que os de São Paulo

O Piso salarial para professores iniciantes com curso superior no Maranhão já é o maior do Brasil. É quase 4 vezes, por exemplo, do Rio Grande do Sul. 

378% 299% 227% 77% 60%
Maior do que no Rio Grande do Sul Maior do que no Pará Maior do que no Piauí Maior do que em São Paulo Maior do que no Distrito Federal

Dados do Consed, publicados na edição de número 387 do Brasil Econômico, de 11/03/2011

Caso o governo do estado do Rio Grande do Sul queira equiparar os salários dos seus professores aos vencimentos já em vigor no estado do Maranhão, terá que dar de uma só vez um aumento de 378% aos seus docentes. E não é só em relação ao estado gaúcho que os professores daqui levam larga vantagem em termos de remuneração. O piso salarial de um professor iniciante com curso superior, no Maranhão, é 77% maior do que recebe o mesmo profissional em São Paulo, que é o estado mais rico do Brasil.

Todos os estados brasileiros tiveram divulgados os valores dos pisos que praticam com os professores. Levantamento feito pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação, Consed, está na edição do último final de semana do jornal Brasil Econômico (www.brasileconomico.com.br), página 6 do primeiro caderno. O Maranhão paga R$ 1.631,00 para professor de 20 horas semanais e duas vezes isso para os que possuem duas matrículas, ou seja, duas jornadas que resultariam em 40 horas semanais.

O Brasil Econômico comete um erro quando diz em sua capa que o maior salário é o praticado no estado do Tocantins, de R$ 2.864,62. Só que em Tocantins o piso tem como referência 40 horas semanais, o dobro da carga horária no Maranhão. Aqui, o professor de 40 horas ganha duas vezes R$ 1.631,00, portanto R$ 3.262,00, 14% a mais que no outro estado.

A publicação do jornal paulista reforça que o piso salarial nacional da categoria em greve no Maranhão é de R$ 1.187,08 para uma jornada de 40 horas semanais. O governo do Maranhão paga a quem tem jornada de 40 horas semanas 175% a mais do que determina o piso nacional.

Brasil Maranhão
R$ 1.187,08 Piso Nacional, Lei 11.738/2008, para 40 horas semanais   R$ 3.262,00 Piso para jornada de 40 horas semanais R$ 1.631,00 Piso para jornada de 20 horas semanais 

 Se no Maranhão o salário é o melhor do Brasil, o mesmo não se pode dizer da qualidade do ensino. O IDEB/2009 coloca em primeiro lugar os alunos do Paraná, onde os professores são os 17º colocados na tabela das melhores remunerações, exatamente o inverso do que se verifica com os maranhenses, onde o salário é o mais alto do Brasil e o aproveitamento dos alunos de ensino médio é o 17º do país.

No Rio Grande do Sul, onde os professores estaduais ganham menos de 30% do que percebem os maranhenses, os alunos aparecem na quinta colocação no IDEB.

Os comentários não representam a opinião deste blog; a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

44 comentários para “Professores do Maranhão recebem 77% a mais que os de São Paulo”


  1. The True

    Mais um fez vc tenta colocar a opnião pública contra os professore, o objeto da greve é o Plano de Cargos … se nós professores estamos ganhando esse valor, foi a briga, pegando gás de pimenta na cara, brigando, foi com muita luta. O que vc ñ coloca é que a tua governadora ñ usa o valor certo do FUNDEB na composição do piso salarial dos professores, A greve continua e hj houve uma importante deliberação do movimento… olha ai http://www.facebook.com/?ref=home#!/imageticadesign

  2. Zé do Caixão

    Décio vocês não tomam jeito, agora divulga o quanto ganha um professor contratado pelo Estado? divulga aí o salário de um professor de ensino fundamental em ínicio de carreira com curso superior?
    Você mesmo criou uma enquete para avisar qual seria a secretaria em que ela deveria dar maior atenção a SEDUC ganhou disparada, pois poderia trazer-lhe problemas no futuro e é o que tá acontecendo agora, mais parece que a governadora não lê esse blog.

  3. Ricardo

    Engraçado que no governo passado, era o pior. Mudou tão rápido, não?

  4. carlos

    Vídeo de Lula Almeida na convenção PSDB dizendo que o partido tem que ser oposição ao gov estado e faz critica a imprensa de Imperatriz
    O Ex deputado estadual, ex secretario de estado, ex secretario municipal de administração do governo Madeira, atualmente assessor do deputado Carinhos Amorim do PDT, com salário de 13 mil reais,fez um discurso diferente do deputado Carlinhos Amorim com relação ao governo do estado,Lula disse na convenção do partido dia 12 março, que o prefeito Madeira tem que ter um relacionamento apenas institucional com o governo do estado, porque Imperatriz na eleição de 2010 deu aos partidos de oposição 85% do votos, portanto o PSDB do Maranhão junto com PDT tem que ser oposição ao governo do estado no maranhão, e principalmente em Imperatriz, Lula falou tambem que o prefeito Madeira esta sendo perseguido todos os dias pela Imprensa de Imperatriz.

  5. Benedito Lisboa

    Pois é, professor ganhando isso por 4 horas diárias e nós trabalhamos 8, 10 horas e por 35 anos diretos no INSS, sem direito a redução de jornada.
    Acredito que até merecem os benefícios, mas não há como não cutucar o funcionário público nessa hora, cheio de direitos, direitos mas na hora do dever… a história é outra.
    Além do mau atendimento quando comparecem, tem a história do médico na hora do trabalho, do atestado, das licenças prêmios…

  6. carlos

    veja o bolg noticiadafoto escudeiro fiel do Prefeito madeira diz em convenção do partido que o PSDB e PDT são oposição no Maranhão e vão permanecer como oposição. E agora décio.

  7. Piso salarial de professores iniciantes no Maranhão é o maior do Brasil « Nosso Maranhão

    [...] Deu no blog do Décio Sá: [...]

  8. Tonico

    Décio o que tu não coloca aí é que o Maranhão tem as piores taxas na educação, não é por causa do sálario como tu mesmo faz uma comparação entre o Rio grande do Sul e Maranhão, mas você não sai daí da sua sala para ver a realidade das escoals no Maranhão e o sucateamneto da educação no Estado. Para termos uma educação de qualidade requer muito investimento, tenho certeza que as escolar do Sul são mil vezes superior a do nosso Estado, você fala como se a panaceia da educação foce o sálário do professor, é importante ser bem remurerado? é sim com certeza o trabalhador vai fazer seu serviço com mais satisfação, mas se aqui no Maranhão estamos la no fim da fila na qualidade de ensino não é por culpa dos professores, mas sim pela forma comoa governadora tem tratado a Educação. Num estado em que temos 50 alunis em uma sala, livro didático insuficiente, sala desconfortáveis, uma boa parcela de professores contratados e recebendo a metade de um efetivo, carrência de material didático. resta apenas para os os professores quadro e giz, aí você vem culpar os professores pela péssima qualidade do nosso ensino? Da um tempo meu, você reamente não valoriza o que você aprendeu com seus professores, sem falar que o Maranhão tem as maiores taxas de impostos como: luz , certa básica, transporte, aluguel, saúde. O professor é o maestro da sabedoria por isso precisa ser respeitado e tratado com diguinidade. A luta dos professores não é só salarial, é uma luta pela quaidade de vida da educação desse Estado que sempre foi deixado para depois.

  9. Marckus Hunei

    Ahhh, vai catar coquinhos!

  10. Carlos Andre

    Caro Decio, esse comentario nao pracisa postar. Vc que conhece o Ricardo murad, deveria falar pra ele visitar mais coroata que elegeu ele e comecar a valorizar os vereadores que defendem e que mantem a imagem politica dele em alta, porque o Ricardo nao prestigia os mesmos. ok!!!!!!!!!!! Abracos e gosto muito do seu trabalho.

  11. Maria José

    Essa avaliação é incorreta!! O problema é que os professores do MA são “horistas”, isto é, acabam ganhando “por hora” de trabalho mas não possuem carreira, garantias de ficar no magistério!!!!!

    Eu, por exemplo, estou a dez anos no estado e continuo no mesmo nível salarial desde quando entrei!!!! Portanto, sob essa ótica, veja quanto ganha esse mesmo ´professor em outro estado, dez anos depois de entrar no mesmo nível que eu entrei ???

    Sem contar que não temos incentivo para pós-graduação etc…. No final, não temos carreira, nosso salário é igual a de um “horista” e ficamos no mesmo nível salarial por mais de uma década!!! Acabamos, portanto ganhando menos que nosso colegas de outros estados!!!

    Por isso: a greve continua !!!

  12. Ayron Rocha

    Mesmo assim eu ainda acho muito pouco…e as condições de trabalho? 5 mil seria o minimo para os professores?

  13. Leonardo

    Boa tarde Décio, analisando friamente os números podemos pensar que o sálario do professor do MA é excelente, porém quando colocamos nessa análise as condições de trabalho, falta de investimentos em cursos de extensão e ainda os sálarios das demais categorias, constatamos que realmente os professores não são valorizados, lembrando-se que este professor tem a missão de educar a todos.
    Um grande abraço

  14. Professor

    Decio, o movimento só está crescendo e se fortalecendo…avisa Roseana que a categoria não vai abrir mão dos nossos direitos.
    Abraço.

  15. D'ITALYANO

    DÉCIO, ESSES DADOS QUE TE PASSARAM NÃO PASSAM DE MENTIRAS,DUVIDO QUE QUALQUER PROFESSOR DO ESTADO GANHE ESSE SALÁRIO DE R$ 1.631,00 – PARA UM PROFESSOR AUFERIR ESSE SALÁRIO, SÓ APÓS 20 ANOS DE CARREIRA E QUE POSSUA PÓS GRADUAÇÃO.
    TE DOU MEU SALÁRIO DE PRESENTE DE PÁSCOA, SE ME CONSEGUIRES UM CONTRACHEQUE DE UM PROFESSOR EM INÍCIO DE CARREIRA,MESMO COM ESPECIALIZAÇÃO NÃO AUFERE ESSE MONTANTE PLANTADO EM TEU CONCEITUADO BLOGS, QUE ASSIM PROCEDENDO COM ESSAS MENTIRAS PLANTADAS PELA ASSESSORIA DE IMPRENSA INCIPIENTE DA SEDUC TEU BLOG VAI FICAR DESACREDITADO.

  16. VICENTE NETO

    a respeito da referida matéria keria q vc perguntasse a Sra. Secretária pq os professores contratado não recebem a mesma remuneração que um professor efetivo, pois ambos tem os mesmos deveres mas não os mesmos direitos, gostaria de saber pq essa distorção.

    sou professor contratado·

  17. PROF.PAULO BARBA

    AINDA VAMOS VERIFICAR QUE O JUDICIÁRIO MARANHENSE VAI APRONTAR PRA CIMA DOS PROFESSORES -POIS É VOZ CORRENTE NOS CORREDORES DO TJ QUE UM JUIZ VEDETE,FILHO DE UM GRANDE EX DEPUTADO, VAI PEDIR A DECRETAÇÃO DE ILEGALIDADE DA GREVE.E A COISA VAI PARAR EM INSTANCIA SUPERIOR QUE VAI DAR PARECER FAVORÁVEL
    AOS POBRES PROFESSORES MARANHENSES. E AÍ ROSEANA, TÁ SE ACHANDO A BAMBAMBAM EM ATROPELAR OS PROFESSORES COM ESSA LIMINAR FAJUTA ,VAI TER QUE PAGAR O ATRASADO DOS PROFESSORES QUE ESTÃO SENDO HUMILHADOS.

    SÓ COMPARANDO: UM POLICIAL GANHA O DOBRO DE UM PROFESSOR – E AINDA QUEREM 20% DE AUMENTO – E A SITUAÇÃO VAI SE COMPLICANDO PARA CIMA DO GOVERNO ROSEANA, QUE SÓ TEM SECRETÁRIOS VEDETES NA LINHA DE FRENTE, CAPITANEADOS POR ESSE LUIS FERNADO SILVA. QUE AINDA VAI QUEBRAR A ESTRUTURA DO MAIOR GOVERNO DA VIDA DE ROSEANA.

  18. Antonio Lima

    “Se a pessoa não consegue produzir, coitado, vai ser professor. Então fica a angústia: se ele vai ter um nome na praça ou se ele vai dar aula a vida inteira e repetir o que os outros fazem”
    Lembram dessa frase? Não? Então deixe que eu lhes refresque a memória: essa pérola foi dita por um ex-presidente da República, o Sr. Fernando Henrique Cardoso, FHC, aquele que fez a maior esculhambação neste País, e muito contribuiu com o desaparelhamento das instituições, enfraquecimento do estado e entrega do patrimônio público para a dita “iniciativa privada”. Disse isso em plena reunião com os professores, quando da entrega de um prêmio de inovação tecnológica, que é feito anualmente pelo FINEP.
    Aquele desgoverno, digo governo foi amplamente apoiado por esse, que agora trata os professores da mesma forma como foram tratados por FHC.
    Como educação nunca foi, não é e nunca será objeto da preocupação de político irresponsável, então eles gastam o dinheiro que deveria ser aplicado na educação fazendo propaganda enganosa, pagando “jornalista” para desvirtuar informação e dizer que professor recebe muito bem.
    Lamentável!

  19. celso

    É interessante quando uma categoria faz greve aprarece esses comentarios, aqui paga mais que ali, se compararmos com o salario da Africa os Professores estão ganhando um fortuna. Chega de comparação idiota, não sou Professor, acho que tem que fazer greve, ainda é mielhor que fazer corrupção. Abraço a todos os Professores.

  20. claudio

    o maior salario essa é piada e com os piores indices kkkkkkkk so na terra dos sarneys mesmo.

  21. junior

    CARO DÉCIO, VC JÁ VIU A PAUTA DOS PROFE
    SSORES DO ESTADO…CREIO QUE SERIA IMPOR
    TANTE V.SA. VER ANTES DE TIRAR CONCLUSOES
    PRECIPITADAS….GENERALIZAR É MUITO FÁCIL.

  22. eduardo

    Rapaz tú é um idiota mesmo falso, só sobe porque puxa saco, educação não se mede por estes valores, a presta atenção a pobreza vem de berço! te enherga!

  23. zé do Andirobal

    Todo ano é a mesma história; “Greve da polícia civil e dos professores” – Ano passado tinha uma caravana de professores “grevistas” em Salinópolis-PA, curtindo as ondas e uma boa skol enquanto rolava a greve. O engraçado é que a greve acontece exatamente nos dois piores serviços prestado pelo estado. Quem se ferra é o contribuinte que paga caro e não tem direito a educação de qualidade, e o pior é que o direito tá assegurado na constituição e tudo mais. Quando digo que funcionário publico é bicho que trabalha pouco, trata mal o patrão que é o povo, faz o serviço mal feito e bota uma banca danada, tem gente que acha ruim. Vão trabalhar…

  24. alex costa

    A secretaria disse que não tem dinheiro para pagar os professores, basta ela mandar o jorginho murad para casa, e pegar de volta o dinheiro (que não foi pouco) das capacitação do ensino fundamental (1º ao 5º ano e 6º ao 9º ano) que foi suspensa, depois da desorganização e do fracasso da capacitação (formação continuada do ensino médio 2010)…
    … e a proposito décio, você calado é um poeta.

    OBS: na epoca de Cafifa (cafeteira), o sálario do professor correspondia a mais de 5 sálarios minimos…
    …hoje corresponde apenas a 3 sálarios, ou seja tá ganhando pouco o professor do maranhão e pior os professores dos outros estados, ei décio tirando a GAM (gratificação adicional de magisterio) o sálario cai para R$703,00, esse é o valor , portanto abaixo do piso nacional, procura melhorar teus contatos, são todos furados.

  25. prof. aceilton

    Caro Jornalista,
    Sou um leitor assíduo das suas matérias publicadas em seu blog. No entanto, temos que esclarecer alguns fatos para a sociedade a respeito da greve dos professores do estado que vem acontecendo nos últimos dias. É de fundamental importância que a imprensa e os meios de comunicação divulguem os dados corretos, com clareza e acima de tudo com responsabilidade. Esse o papel da verdadeira imprensa que se pressa.
    A grave é instrumento constitucional legal. O Art. 9º da CF menciona que: “é assegurado o direito de greve, competindo aos trabalhadores decidir sobre a oportunidade de exercê-lo e sobre os interesses que devam por meio dele defender”.

    O que a categoria está reivindicando nada mais é do que direitos adquiridos que até a presente data não foram repassados aos trabalhadores em educação.
    Seriam interessante perguntar para o governo quem vai pagar as quatro horas/aulas impostas aos sábados se os professores só pode trabalhar 20h semanais ? Ah!! Esqueci, vão ser voluntários para ano letivo realmente ser concluído em 2011.
    Isso é um afronto aos direitos adquiridos. O que estamos reivindicando é aprovação do estatuto e reposição salarial.
    Pitágoras Já dizia: “devemos educar as crianças para que os adultos não sejam castigados”, lamentavelmente os políticos pensam diferentes.

  26. prof. aceilton

    SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO DESMORALIZA ASSEBLÉIA

    “Prevista para agora às 15h a reunião entre os deputados da Comissão de Educação e a secretária da Seduc, Olga Simão, aconteceu fora da sede da Assembléia Legislativa.
    Ontem, os membros dos representantes dos professores estiveram reunidos com os deputados na AL para tratar da greve que se arrasta por 16 dias.
    A secretária Olga Simão recebeu, em seu gabinete, no começo da tarde de hoje, a Comissão de Educação da Assembléia, numa clara demonstração de que a sede do Legislativo não tem a menor importância para tratar sobre a greve.
    Ainda pela manhã, a bancada governista não aprovou pedido de audiência pública para tratar da questão. Aí foi a vez da própria Assembléia Legislativa mostrar que não tem nenhuma autonomia em relação ao Executivo, servindo apenas como um anexo do Palácio dos Leões. Uma lástima”.

  27. alberto

    CARO DÉCIO, NÓS NÃO VIMOS ESSE MESMO FILME ANTES???? MUITO RECENTEMENTE NAS GESTÕES DE ZÉ REINALDO E JACKSON LAGO?
    NÃO FORAM OS PROFESSORES SUAS PRINCIPAIS VÍTIMAS?
    VOU ADIANTAR OS PRÓXIMOS PASSOS DESSA NOVELA:
    1º O GOVERNO VAI DECRETAR A ILEGALIDADE DA GREVE, PARA OBRIGAR OS PROFESSORES A VOLTAR AS SALAS DE AULA;
    2º MANDARÃO TROPAS DE CHOQUE E GÁS LACRIMOGÊNIO PARA CONFRONTAR NOS MOVIMENTOS DE RUA DOS PROFESSORES.
    EM QUE DIFERE DAS DECISÕES ANTERIORES? ME DIGA MEU CARO, JÁ QUE VOCÊ ACHA QUE OS PROFESSORES NÃO MERECEM MELHORES CONDIÇÕES DE VIDA, CONCLUI-SE QUE MERECEM SER TRATADOS ENTÃO DESSE MODO?
    NAQUELE TEMPO OS ROSEANISTAS APOIAVAM OS MOVIMENTOS GREVISTAS DO ESTADO…..É QUANDO SE ESTÁ NO PODER TUDO MUDA……

  28. CARLOS

    VIXE MARIA, SE ESSE MÍSERO SALÁRIO PAGO NO MARANHÃO É O MAIOR DO BRASIL, TENHO PENA DOS PROFESSORES-MISERÁVEIS DOS OUTROS ESTADOS, DESSE JEITO É MELHOR ACABAR COM A PROFISSÃO DE PROFESSOR E DEIXAR QUALQUER UM DAR AULAS.

  29. MILTON FILHO

    REALMENTE SE O MARANHAO PAGA O MELHOR SALARIO DO BRASIL,OS OUTROS ESTADOS ESTAO DE PARABENS. POIS TEM PROFESSORES QUE COMEM VENTO, VESTEM DE PANO DE SACO E ANDAM DE JUMENTO MANCO, BRINCADEIRA

  30. Valter Spindola

    Não podiamos esperar uma atuação pelo menos razoavel, de uma secretária q não é professora e sim admistradora de empresa. As empresas visão LUCRO e para tal fazem cortes de gastos sacrificando funcionarios, pois como diz o ditado a corda quebra no local mais fraco. O que está sendo esquecido, é que EDUCAÇÃO não é GASTO e sim investimento.
    Se melhorar a educação publica, os filhos desses deputados, desembargadores e outros vão ter concorrentes nos concursos e isso eles não querem.

  31. MARIA DO SOCORRO GOMES CABRAL

    POIS É SEU DÉCIO VC DIZ ISSO SERÁ SE VC JÁ ESQUECEU QUE PASSOU PELA MÃO DE UM PROFESSOR? VC JA OLHOU UM CONTRA-CHEQUE DE UM PROFESSOR E DE UM DEPUTADO? OLHE E COMPARE E VEJA QUE QUANDO É NA VEZ DELES TUDO É FEITO NO MAIRO SIGILO E TUDO DAR CERTOE NINGUÉM FALA NADA DELES QUE NEM NA ASSEMBLÉIA PISA SÓ VAI NA HORA NDE APROVAR UM PROJETO QUE SEJA A FAVOR DELE TEM UM SENHOR DE MAX BARROS QUE QUASE FALE O ESTADO LIBERANDO VERBO PRA PREFEITO PARA SE REELEGER E AGORA AS OBRAS ESTÃO VIRANDO FUMAÇA DINHEIRO JOGADO FORA E AIR NÃO FALTOU DINHEIRO PRA ELE NÃO MAS PARA APROVAR UMA COISA QUE É EM BENECIO DAQUELE QUE NENHUM DESSE POVO QUE SE DIZEM SEREM DA E SEREM DONOS DA VERDADE NUNCA PASSARAM PELA MÃO DE UM PROFESSOR EU SÓ QUERIA QUE VC ME MOSTRASSE UM MÉDICO QUE CHEGOU A UM CONSULTÓRIO QUE NÃO PASSOU PELA MÃO DEUM PROFESSOR MOSTRE UM ADOVOGADO UM ENGENHEIRO COM SEU SLARIO LÁ EM CIMA SE ELE NÃO PASSOU PELE MÃO DE UM PROFESSOR EU ACHO QUE VCS DEVEM É NOS RESPEITAR E NOS DAR APOIO.
    SEM MAIS NADA UM FORTE ABRAÇO E BOA SORTE NO SEU TRABALHO E QUE VC TRABALHE MUITO PRO ESTADO DE GRAÇA
    mARIA DO SOCORRO GOMES CABRAL REGO

  32. Fernando Silva

    Ha ha ha ha ha. Conte agora a do papagaio.

  33. roberto

    Para a CNTE o piso, hoje, é R$ 1.132. “Está uma bagunça generalizada. Queremos que esse valor seja pago para uma jornada de, no máximo, 40 horas. Há Estados que pagam menos e outros que estão até reduzindo a remuneração dos professores”, afirma Leão.

    Confira a média de salários pagos em cada estado:

    Distrito Federal R$ 3.360
    Rio de Janeiro R$ 2.004
    São Paulo R$ 1.845
    Mato Grosso do Sul R$ 1.759
    Roraima R$ 1.751
    Rio Grande do Sul R$ 1.658
    Paraná R$ 1.633
    Acre R$ 1.623
    Amapá R$ 1.615
    Sergipe R$ 1.611
    Amazonas R$ 1.598
    Tocantins R$ 1.483
    Minas Gerais R$ 1.443
    Mato Grosso R$ 1.422
    Pará R$ 1.417
    Espírito Santo R$ 1.401
    Rondônia R$ 1.371
    Santa Catarina R$ 1.366
    Goiás R$ 1.364
    Maranhão R$ 1.313
    Alagoas R$ 1.298
    Rio Grande do Norte R$ 1.232
    Ceará R$ 1.146
    Bahia R$ 1.136
    Piauí R$ 1.105
    Paraíba R$ 1.057
    Pernambuco R$ 982

    COMO É QUE O MARANHAO PAGA UM DOS MAIORES SALARIOS?

  34. roberto

    Para a CNTE o piso, hoje, é R$ 1.132. “Está uma bagunça generalizada. Queremos que esse valor seja pago para uma jornada de, no máximo, 40 horas. Há Estados que pagam menos e outros que estão até reduzindo a remuneração dos professores”, afirma Leão.

    Confira a média de salários pagos em cada estado:

    Distrito Federal R$ 3.360
    Rio de Janeiro R$ 2.004
    São Paulo R$ 1.845
    Mato Grosso do Sul R$ 1.759
    Roraima R$ 1.751
    Rio Grande do Sul R$ 1.658
    Paraná R$ 1.633
    Acre R$ 1.623
    Amapá R$ 1.615
    Sergipe R$ 1.611
    Amazonas R$ 1.598
    Tocantins R$ 1.483
    Minas Gerais R$ 1.443
    Mato Grosso R$ 1.422
    Pará R$ 1.417
    Espírito Santo R$ 1.401
    Rondônia R$ 1.371
    Santa Catarina R$ 1.366
    Goiás R$ 1.364
    Maranhão R$ 1.313
    Alagoas R$ 1.298
    Rio Grande do Norte R$ 1.232
    Ceará R$ 1.146
    Bahia R$ 1.136
    Piauí R$ 1.105
    Paraíba R$ 1.057
    Pernambuco R$ 982

  35. Ioni

    ENTÃO OS CONTRATADOS NÃO SÃO PROFESSORES? AG UARDO SUA RESPOSTA.

  36. tatyane

    enquanto os professore ficam lutando por dinheiro aluno fica sem aula …
    muitos alunos estao revoltados com os professores que depois vao para sala de aula com a cara limpa dando aulas apavoradamente , aumentando a nossa carga horária
    O governo deveria contratar outros professores e deixar esses fazendo greve sozinhos…

  37. ESPERANÇA

    Querida Tatyane!
    Quem está “lutando” por dinheiro? Nós, educadores estamos, sim, reivindicando nossos direitos… PELA APROVAÇÃO E APLICAÇÃO IMEDIATO DO ESTATUTO DO EDUCADOR E MAIS 21 REIVINDICAÇÕES!… Você, provavelmente é aluna de alguma escola estadual, e, com esse comentário, NÓS ficamos tristes, e temos a certeza que devemos continuar “lutando” (deveríamos realmente sair com vestimentas pretas!)… A EDUCAÇÃO DO ESTADO DO MA… ESTÁ DE LUTO, POR TODAS AS MAZELAS QUE NÓS EDUCADORES ENFRENTAMOS, PARA QUE ALUNOS COMO VOCÊ, POSSA TER UM FUTURO MAIS DIGNO! LEIA MAIS… SE INFORME!

  38. FUTURO

    Um dia O povo do Maranhaõ terá vez e voz! a semente está sendo plantada! os poderosos não são eternos!! isto nos coloca em igualdade! E a luta continua!! pela conscientização e um mundo mais justo!!

  39. Cordeiro

    Caro Décio, voce faz um texto interessante, abordando dados sobre os salários/vencimentos dos professores em diversos estados, no entanto, voce esquece que o valor bruto ou valor integral percebido não pode ser apresentado como piso salarial. Para um prof. maranhense ganhar R$ 1.598,76 líquidos, por exemplo, ele precisa ter mais de 5 anos de trabalho mais curso de especialização. Mas o fato é que o valor do vencimanto, considerado como piso, é de R$ 744,90 apenas, portanto, não coincide com os mil e seiscentos e uns trocados que voce aponta como piso. Não confunda as coisas, o piso com o acréscimo das vantagens não é apenas piso, que isso fique claro!

  40. Cristiano P. Filho

    O Governo deveria assinar a portaria deste blog o nomeando porta-voz ou acessoria de imprensa .
    Mas até para informar é preciso se ter clareza e nãosó
    induzir a opinião pública. O STF regeitar recurso(RCL)
    não quer dizer julgar(através do agravo de instrumento
    o próprio ministro + comissão de três , terá que o fazê-lo)Não é o Sindicato que trata a educação NÃO essen-
    cial e sim a Constituição através do seu artigo 10.Eu estava no LIceu na 2ª-feira , os alunos estavam nos corredores,nas janelas e o diretor se esforçando para
    acomodar 3 séries numa sala. A propósito , eram 213
    professores .Ponto positivo,pelo menos este blog nos
    deixa comentar.

  41. anônimo

    Décio, vc não o que é piso, apresenta o salario mais vantagens como se fosse piso; também nao publica que um contratado faz o mesmo serviço do nomeado, trabalha a mesma jornada de horas e só ganha a metade!!! vc tbm nao diz que a greve é pela aprovação do Estatuto, pois os professores não podem trabalhar sem a cobertura de uma lei que estipule seus direitos. Qualquer que fosse o governo, a greve aconteceria do mesmo jeito. Enquanto você demontra ignorância e sadismo, o professor luta por respeito e melhores condições de trabalho. Sei que é difícil conseguir isso, mas você acha que a Revolução Francesa, a abolição do escravismo, o voto feminino, a Constituição, a Democracia (etc) foram realizadas sem luta? O Maranhão é um Estado atrasado, analfabeto e miserável. E você sabe de quem é culpa. Então deixa os professores em paz.

  42. alice

    toma Décio! seu imbecil.

  43. junior

    eguas…vô deixar meu emprego de lado e ser professor
    caramba coitados dos professores dos outros estados

  44. Rosa Ferreira Vieira

    Olá! Sou professora de Química, acabei de pedir exoneração nos meus dois cargos efetivos em Minas Gerais porque meu esposo recebeu uma proposta de trabalho em Imperatriz, no MA. Vamos nos mudar no início de setembro. Gostaria de saber como me inscrever para dar aulas em Imperatriz.
    Por favor, me ajudem, colegas professores.
    Aguardo retorno.

    Rosa

deixe seu comentário